Sobre a Sapientia Crucis

Revista Filosófica – Teológica

No ano do Grande Jubileu da Redenção e no limiar do terceiro milênio da era cristã, vem à luz a revista do Institutum Sapientiae, instituição acadêmica da Ordem dos Cônegos Regulares da Santa Cruz. Satisfaz-se assim um desejo que desde há anos tem sido manifestado aos responsáveis da Ordem e do Instituto.O título Sapientia Cruciscom o símbolo dos Anjos que adoram a Cruz provém da tradição espiritual da Ordem da Santa Cruz e, ao mesmo tempo, tem sua raiz na doutrina e na tradição apostólica da Igreja.

A Sabedoria da Cruz

“A Cruz é a suprema revelação do mistério do Verbo encarnado, « perfectus Deus, perfectus homo » (cf. Símbolo Quicumque). No seu amor inefável, CRISTO crucificado revela, de forma arrebatadora, a infinita misericórdia do Pai para com os homens de todos os tempos.
A sabedoria da Cruz é uma luz que ilumina o sentido da existência humana. É com razão que Santo Agostinho fala da Cruz como da cátedra do divino Mestre: «Lignum illud ubi erant fixa membra morientis, etiam cathedra fuit magistri docentis » (In Ioann. Ev. 119,2).
Foi desta cátedra que recebemos a sublime lição do amor de Deus por nós. Os limites da ciência são paradoxalmente superados pela fé no Homem-Deus, pregado na Cruz e ressuscitado pelo Pai.
Compete a nós não nos afastarmos desta cátedra. Só deixando-se imergir pelo Espírito Santo no mistério de Cristo é que o pensamento teológico se iluminará de sabedoria e chegará a compreender plenamente o sentido da Cruz, itinerário de salvação do homem, de purificação do coração e da mente.”
(São João Paulo II)

Outras informações sobre a revista:

Publicação:
Anual

Extensão:
Cerca de 200 páginas